Links para ouvir e tentar entender o racismo na França

Essa semana não tem como fazer outra coisa a não ser compartilhar outras vozes que precisam ser ouvidas. Eu mesmo não tinha muitas referências sobre o tema aqui na França, mas estou começando a me informar. Caso você também esteja a busca de informações e não saiba muito por onde começar, segue a lista do que eu achei.

Top 8 memes da França

Claro que o Brasil continua sendo pioneiro e invicto nas guerras memeais, mas acho importante dar o devido crédito a memes franceses neste blog.
Eu vi no Twitter, no final de fevereiro, um “roll call” de memes franceses, e eu achei o resultado do fandom simplesmente incrível. Achei que era mais do que necessário compartilhar isso.

Dinheiro de Francês – Como os franceses poupam?

Eu descobri que o modus operandi e as indicações dadas pelos especialistas de investimentos na França são um pouco diferentes do que a gente tem no Brasil.
Para ilustrar um pouco as indicações gerais, resolvi fazer a tradução de um artigo que li numa revista, e dar minha opinião sobre alguns pontos.

Comidas de inverno da França

Vamos falar hoje das comidas típicas da estação. E ela é toda trabalhada nos cremes, queijo e charcutaria… Bem diferente da nossa visão da comida francesa, que é mais associada à haute cuisine e a pratos bem pequenininhos.

Música em Francês – Cowboys Fringants

A banda de hoje é ultra revolucionária! Literalmente, eles são do Québec e em várias músicas eles fazem críticas ao governo, ao capitalismo e ao sistema como um todo. Diferentemente de outros artistas do Québec eles fazem questão de manter o sotaque, chegando ao ponto de ser incompreensível em algumas músicas.

Estrutura Administrativa – Parte 1 – Comunas, Vilas, e afins

Uma das coisas mais confusas aqui da França é a estrutura administrativa. Até para quem já está aqui há algum tempo é difícil de entender, e explicar pra alguém que não conhece o país é ainda mais difícil!
Eu preferi focar na parte “útil” da coisa para ajudar mesmo no dia-a-dia. e fazer você entender de vez as diferenças.

Renovação do Visto de Trabalho

O assunto de hoje é o pedido de renovação do Titre de Séjour, que no meu caso, é de assalariado (tem escrito “salarié” no tipo de visto). Como já expliquei num dos posts sobre o OFII, é um visto que já vale como primeiro título de estadia, então no pedido você já pode passar para a etapa de pedir um que vai valer por 2 ou 4 anos.

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑