Música em Francês – Coeur de Pirate

Fala galera!

Eu tenho planejado falar de música aqui no blog desde que fiz o primeiro brainstorming, mas acabei me enrolando no verão e não fazendo a série dicas de de bandas francófonas.

Na minha cabeça isso ficaria para um futuro distante quando eu tivesse realmente tempo, mas ontem eu fui num show da Coeur de Pirate e me deu uma super vontade de escrever sobre, afinal ela é incrível!

Cabe já deixar claro que, quando eu pensei na série sobre música não seria música francesa pois meus artistas preferidos que cantam em francês não são daqui! Não sei se é por uma questão de proximidade musical ou por outra razão, mas digamos que dos meus 10 preferidos pelo menos uns 6 ou 7 são do Québec.

Isso em geral não transparece na música, mas quando assisto entrevistas é sempre um choque ver o sotaque das pessoas quando conversam.

Hoje, como dá para ver no título, vamos falar sobre Béatrice Martin e seu projeto Coeur de Pirate. Se quiser já começar o post ouvindo uma playlist feita sob medida (e com as músicas que eu indico aqui), tem o link para o spotify aqui!

Coeur de Pirate

Eu a conheci em 2012, quando estava aprendendo francês. Na época, eu joguei no Google “música independente francesa” e conheci ela entre outros artistas que conheci e dos quais vou falar nessa série.

A idéia do projeto é basicamente “músicas para acabar com meux ex-namorados”. E isso não sou eu que estou dizendo, é ela mesma no show que fui semana passada.

Prestando atenção nas letras, dá para perceber que muitas delas são fofas mas falam sobre traição, separação, despedidas e outros temas parecidos. Para ter uma idéia eu separei 2 trechos de letras (que já estão na playlist, claro!)

Francis

Doucement tu me fais voir les plus douces de tes histoires

Et plus notre idylle avance d’autres filles entrent dans la danse

 

Em tradução livre por mim mesmo:

Devagarinho você me conta as suas histórias mais apaixonantes

E enquanto nosso amor avança outras meninas entram na dança

Clique aqui para ver a letra completa no letras.mus.br

Adieu

Mais dis moi adieu demain

Mais dis moi adieu en chemin

Va voir les autres je n’en pense rien

Je t’ai aimé mais je t’assure que c’est la fin

 

Em tradução livre por mim:

Me diga adeus amanhã

Me diga adeus já indo embora

Pode ir com as outras, eu nem quero saber

Eu já te amei mas te garanto que acabou

Clique aqui para ver a letra completa no letras.mus.br

 

Obviamente esse não é o único tema das músicas, mas é legal entender o ponto central do projeto para entender algumas das músicas.

Discografia (até 2018)

O primeiro album, Coeur de Pirate, é bem gostosinho, com um foco total no estilo voz+piano, e uma estética bem “noir” (ou dark para quem prefere em inglês).

Isso também era bem marcado também nos shows. Em 2013 ela fez uma turnê passando pela França e o show foi incrível. Ela é tão fofa em pessoa quanto a voz dela parece mesmo, e na época ela não tinha uma presença de palco ultra marcante, o que mudou bastante desde então.

Em Blonde, ela já tem músicas mais agitadas, mas ainda tem um foco muito forte no piano, o que mudou bastante nos dois últimos dois álbuns. A estética ainda era um tanto quanto “noir”, mas com um toque meio “colegial” em algumas músicas (Adieu, Golden Baby). A variedade de músicas também é muito boa. Meu clipe preferido é sem dúvida Adieu, a estética das cabeças explodindo é ótima.

Eu também achei incrível a estética de Golden Baby é muito diferente do primeiro álbum.

Em Roses ela liberou o lado anglófono e tem um estilo mais misturado com eletrônico, com um som um pouco mais “sintético” e movimentado. Pessoalmente não é o meu preferido, eu gosto mais dela com o piano e voz, sem mais. O álbum tem muitas alusões ao mar e a viagens, e é bem coerente como um todo, sendo que até a capa tem tons mais azuis e verdes. Outra coisa que mudou bastante do último álbum para esse é que ela se permitiu começar a dançar!

É bem legal ver a evolução dos clipes, que no primeiro álbum eram bem “reflexivos” e num estilo que a gente associa muito ao francês mesmo, um pouco “Amélie Poulain”, para virar um pouco mais movimentado e com uma fotografia mais ousada no segundo, e chegar ao ponto culminante de ela dançar no Oublie-moi de Roses.

O álbum mais recente tem um nome bem mais longo en cas de tempête, ce jardin sera fermé (“em caso de tempestade esse jardim estará fechado”) e uma estética de cores mais quentes que os anteriores. Fica um contraste bem legal entre a temática mais “aquática” do Roses e esse álbum. E isso está bem refletido na turnê.

Se você acha que acabou está enganado!

Ela também tem alguns projetos bem legais e que não são diretamente ligados ao Coeur de Pirate. Por exemplo a trilha sonora do jogo Child of Light, que foi premiada como melhor trilha de jogo do ano em 2014 e que vale muito a pena, é ótimo para estudar ou trabalhar.

Ela também fez a trilha de uma série médica canadense chamada “Trauma”, com alguns covers sensacionais como o de You Know I’m no Good da Amy Winehouse.

Enfim, eu adoro a Béatrice Martin, que também é uma fofa nas entrevistas, e vale super a pena conhecer o trabalho dela seja para aprender francês, seja para aproveitar o ritmo super gostoso, ou até para ver um pouco do que pode ser a estética da música canadense.

Para quem está aprendendo a língua, fica a dica especialmente do primeiro álbum tem algumas músicas em que ela fala num ritmo bem calmo, então dá para entender bem a letra, e a maior parte já está no letras.mus.br, então dá para acompanhar e ir aprendendo.

2 comentários em “Música em Francês – Coeur de Pirate

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: